Polícia Federal prende suspeito de integrar associação criminosa envolvida em esquema de fraudes contra o INSS no Maranhão
Publicado em 14/06/2022 às 05:47
Por: Isisnaldo Lopes

Na manhã da última segunda-feira (13), a Polícia Federal prendeu um homem suspeito de integrar uma associação criminosa voltada para a prática de fraudes contra o INSS em Codó, a 298 km de São Luís.

De acordo com a polícia, o preso levou uma idosa ao cartório eleitoral da cidade que, utilizando uma identidade falsa em nome de uma pessoa já falecida, fez a renovação do cadastro de eleitor em nome dela, com a finalidade de fazer prova de vida perante o INSS e, assim, sacar o seu benefício previdenciário.

Diante dos fatos, os envolvidos foram autuados pelos crimes de inscrição eleitoral fraudulenta, tentativa de estelionato previdenciário, uso de documento falso e associação criminosa. As penas somadas podem chegar a 20 anos e 8 meses de prisão.

 

 

 

 

g1/ma

Veja mais sobre: Polícia, Maranhão,
Copyright © 2018 - 2019 | Portal iNotícia MA. Todos os direitos reservados.