Reunião na Secretaria de Governo discute implantação do Sistema de videomonitoramento em Açailândia
Publicado em 19/07/2022 às 05:30
Por: Isisnaldo Lopes

Na manhã da última sexta-feira, 15 de julho, com o objetivo de fortalecer esse debate e tirar do papel a implantação do sistema de videomonitoramento em Açailândia, foi realizada uma reunião na sede da SEGOV para ampliar as ações de segurança pública e implantar meios que ajudem a inibir crimes, especialmente contra bens e patrimônio, sempre foi pauta de discussão com o gestor municipal Aluísio Sousa.

O secretário de Governo, Elson Santos, recebeu os vereadores Cleones Matos (Kell) e Thiago Ferrreira (Thiaguinho), na companhia dos assessores Cel Edeilson Carvalho e do advogado Carlos Magno Miranda, para discutir o projeto de implementação do de videomonitoramento em vias públicas de nossa cidade, enfatizando a segurança das pessoas, e também, monitoramento de trânsito e transeuntes.

Segundo o assessor, Edeilson Carvalho, o projeto se faz necessário devido ao crescimento da criminalidade e das várias formas com que ela se manifesta, obrigando a adoção de cuidados igualmente diversificados, principalmente em relação ao cuidado, com as pessoas, com o patrimônio e com as atividades desenvolvidas por seus agentes, razões pelas quais obriga a gestão pública opta pela utilização da tecnologia para controle e vigilâncias daqueles que persistem em ficar às margens da sociedade descumprindo as Leis.

O secretário de Governo, Elson Santos, explicou sobre o fato que a implantação de um sistema de Videomonitoramento auxilia na redução dos índices de criminalidade, “Com o aumento da criminalidade e os avanços da tecnologia, a necessidade de projetos de segurança em vídeo monitoramento cresceu em todo o mundo. Assim sendo, estamos realizando todos os estudos solicitados para implantação do projeto como determinou o prefeito Aluísio”, finalizou.

 

 



Prefeitura de Açailândia – Compromisso com Você

Veja mais sobre: Açailândia, Novidades,
Copyright © 2018 - 2019 | Portal iNotícia MA. Todos os direitos reservados.