Polícia prende suspeito de participar de morte de PM no Maranhão
Publicado em 07/01/2019 às 07:29
Por: Isisnaldo Lopes

A polícia prendeu na última sexta-feira (4) Zandonai Barbosa Oliveira, suspeito de ter participado da morte do policial militar reformado Joselito Fernandes Marinho, também conhecido como “Sargento Marinho”, que ocorreu na quinta-feira (3) em Imperatriz, a 486 km de São Luís.

Segundo polícia, Zandonai Barbosa foi preso temporariamente após decretação judicial. Ele é apontado pelos policiais como o principal articulador do assalto na modalidade "saidinha bancária", que consiste no assalto ou furto realizado logo após a vítima sacar uma quantia, na maior parte das vezes elevada, das agências bancária ou caixas eletrônicos. Zandonai também é apontado como um dos quais foi responsável pelo disparo que determinou a morte do policial militar reformado.

A polícia afirma que os outros três suspeitos de ter participado do crime também já foram identificados e um deles, reconhecido como Vinícius Lima Damasceno, já foi interrogado pelos policiais.

A polícia continua realizando buscas a fim de individualizar a participação de cada um dos quatro envolvidos na morte do policial Joselito Fernandes Marinho. O caso está sendo acompanhado pela Delegacia de Homicídios de Imperatriz.

Morte do sargento
O policial militar reformado Joselito Fernandes Marinho foi assassinado a tiros na Rua Mato Grosso, situada no bairro Maranhão Novo, em Imperatriz, após ter sido vítima de um latrocínio, que é o roubo seguido de morte.

Os assassinos levaram a arma do “Sargento Marinho”, mas a deixaram pelo caminho durante a fuga. Após o crime, várias viaturas da PM foram chamadas e o local do assassinato foi isolado.

Veja mais sobre: Polícia, Imperatriz,
Copyright © 2018 - 2019 | Portal iNotícia MA. Todos os direitos reservados.